Arquivo da categoria: Ensino Fundamental

Assuntos sobre os alunos e atividades que forem realizadas pela turma do ensino Fundamental

Ano de 2012 termina com a eleição da nova diretoria da ACEP e V Formatura

Formandos apresentam danças tradicionais durante a cerimônia de Kalidzamai. Foto: Raimundo Benjamim/EIBC

Formandos apresentam danças tradicionais durante a cerimônia de Kalidzamai. Foto: Raimundo Benjamim/EIBC

Fim de mais um ano letivo. Nada melhor que fechar o ano com a V Assembleia Geral da ACEP e V Formatura da escola. Por uma semana a EIBC-Pamáali respirou um ar um pouco diferente que a de costume no final da terceira e úlltima etapa do ano. Ano que foi marcado por várias dificuldades e conquistas.

ACEP troca diretoria e por unanimidade o professor Juvêncio Cardoso, o Dzoodzo é reeleito presidente.

Depois de três dias de intensas discussões de assuntos importantes para a escola, a V Assembleia encerrou com a eleição da nova diretoria da ACEP (2013-2016).  Dois dos três membros não continuarão na nova gestão (professores: Raimundo Benjamim e Alfrdo Brazão), serão substituídos pelos professores (que vão fazer parte do quadro 2013): Erivaldo da Silva Macêdo (secretário) e João Claudio (Tesoureiro). E completam como membros do Conselho Fiscal: André Fernando (liderança Baniwa), Roberto Paiva (comunidade de Juivitera), Santiago Souza (comunidade de Maúa Cachoeira) e Roberto Miguel (comunidade de São José).

E o presidente? alguém deve ter feito a pergunta. Na presidencia continuará o professor Juvêncio Cardoso, eleito pela primeira vez em maio de 2011, na Assembleia da 10 anos, depois da renúncia do presidente eleito em 2009 (Vigico Juarez Rivas).

A V Formatura

Alunos formandos durante Kalidzamai. Foto: Raimundo Benjamim/EIBC

Alunos formandos durante Kalidzamai. Foto: Raimundo Benjamim/EIBC

O dia 15/12 começou um pouquinho mais cedo na Escola Pamáali. As cinco e meia café e depois os últimos preparativos para a grande exibição dos formandos da V turma na quadra-praça Pamáali. O professor Juvêncio no palanque atualizando os preparativos dos Itakirinai dentro do Ttolee (casa dos Itakirinai, montada exclusivamente para o evento). Uma contagem regressiva. Nas arquibancadas os participantes e nas cadeiras abaixo do palaque as autoridades.

O olhar atento dos mais jovens e das mães dos formandos aguardam a saida. E chega o momento mais esperado do dia. Duas jovens carregam nas mãos uma panela de cerâmina cheio de pimenta e deixam no centro da quadra. A panela carrega em si significado forte para os jovens formandos e ao povo Baniwa e Coripaco. O professor Juvêncio traduz essa importância com a ajuda de uma sábia a todos os participantes da cerimônia.

Mas, chega o momento em que o próprio sábio responsável pela cerimônia precisa usar as palavras. Palavras que certamente jamais serão esquecidos pelos jovens e como a todos que viveram esse momento.

Estamos de volta!!

Terceira e última etapa de 2012 começa hoje, 06 de novembro.

Alunos da Escola Pamáali (foto: Divulgação)

Cheio de gás e energia renovada! Começa hoje a terceira e última etapa do ano de 2012. Alunos e professores já estão na escola Pamáali. Depois de muito sol e muita chuva na viagem de subida de Assunção, chegamos ontem na escola. Uff!! Finalmente! Vamos até dia 15 de dezembro, na Formatura da V turma de alunos. Mais notícias em breve.

Participamos do XVI Cultural em Assunção do Içana

A escola Pamáali participou pela primeira vez o Evento Cultural realizada em Assunção do Içana, na XVI edição do evento.

Alunos da Escola Pamáali durante a premiação do evento.

Em 2011 não deu…Mas, nesse ano a EIBC-Pamáali decidiu participar o evento cultural realizado anualmente em Assunção do Içana (Baixo Içana). Durante 5 dias de evento, aconteceram muitos jogos, brincadeiras e apresentações culturais das agremiações da comunidade local e das escolas visitantes.

Coordenados pelos professores Abraão Mendes, Francinaldo Farias, Alfredo Brazão e Raimundo Benjamim alunos de ensino fundamental e médio participaram das modalidades de futebol de campo, futsal, corrida e canoagem individual. Os resultados dessa vez não foram as melhores, o time da escola ficou apenas na terceira posição. Mas, na canoagem a escola levou a medalha de ouro.

Valdecir Miguel aluno de ensino médio, chega em primeiro lugar na canoagem individual (foto: Divulgação)

Encerra hoje, 02 de outubro a II Etapa Letiva da Escola Pamáali

Alunos e professores da Escola Pamáali subindo o Rio Ayarí a caminho para Macedônia. Foto: Juvêncio Cardoso/EIBC

A segunda etapa letiva durou 43 três dias. Durante esse tempo muitas coisas aconteceram. Eventos, oficinas, seminários e visitas foram as novidades da etapa.  Abaixo pontuamos os melhores momentos do período letivo que começou no dia 22/08 e termina hoje, 03/10, terça-feira.

  • Presença da Escola Pamáali (pela segunda vez) na comunidade Macedônia do médio Ayarí durante o V Evento Cultural e Esportivo do Rio Ayarí.
  • Realização do III Encontro da Rede de Escolas Baniwa e Coripaco na EIBC-Pamáali, onde participaram alunos e professores das escolas da região do Ayarí.
  • Realização de aulas e pesquisas durante a etapa.
  • Visita de pesquisadores indígenas (João Claúdio/Escola Moliweni) e pesquisadores externos (Amanda da UFsCar).
  • Visita do Gestor da Escola de Assunção do Içana (prof. Miguel Piloto).
  • Continuidade das atividades da construção de Aatti ipana.
  • Manutenção da Internet

Alunos e professores estão indo para suas comunidades e voltam para a terceira etapa no inicio de novembro. Para a etapa de formatura e assembleia geral da escola. Na entre-etapa, a EIBC-Pamáali marcará presença no evento cultural que será realizado em Assunção do Içana. E ficará apenas uma equipe de monitores técnicos na escola durante o período de entre-etapa.

Professor Abraão Mendes dá palestra para os participantes do Encontro da Rede de Escolas Baniwa e Coripaco. Foto: Juvêncio Cardoso/EIBC.

 

Encontro da Rede de Escolas Baniwa e Coripaco realizou o I Seminário de diálogo sobre a vida Baniwa

O que a GENTE precisa “FAZER” para VIVER e ESTAR no mundo? Escola Pamáali 20 a 22 de Setembro de 2012.

Professor Jaime da Escola Waliperidakenai (comunidade Canadá) apresenta os resultados de trabalho de grupo de discussão. Foto: Juvêncio Cardoso/EIBC

O III Encontro da Rede de Escolas Baniwa e Coripaco foi planejado para acontecer em duas subregiões do Içana. Uma na Escola Pamáali (20 a 22/09) para o médio, alto e região do Ayari e comunidade Castelo Branco (27 a 29/09) para a região do Baixo Içana e Cuiyarí. O tema desse encontro da rede é abrangente: O que a GENTE precisa “FAZER” para VIVER e ESTAR no mundo? . Na Abertura oficial do encontro o Dzoodzo (prof. Juvêncio Cardoso um dos coordenadores da Rede) resumiu a proposta do III Encontro da rede: “Em outros encontros ou até aqui temos discutido muito sobre manejo de plantas, manejo de animais. Por que  não, discutir também o manejo de pessoas”?

No evento realizado na Escola Pamáali participaram alunos, professores e lideranças das comunidades do Rio Ayarí. Os resultados foram organizados em um documento preliminar, que foi levado para ser apresentando no encontro de Castelo Branco por um grupo de representantes da Rede. Os assuntos discutidos foram variados. Depois do encontro de Castelo será organizado um documento único que será enviado para todas as escolas e comunidades que fazem parte da rede. Que também estaremos disponibilizando nessa página em breve. Aguardem.

Ray