Local onde será instalado a Hidrocinética é visitado.

Foto: Juvencio Cardoso

No inicio deste mês  Juvencio Cardoso (professor),Adeilson Lopes (ISA) e alunos, visitaram o Padzomhepani, para conhecer o local de perto e fazer uns levantamentos iniciais para a instalação de uma técnica de geração de energia através da corrente de um igarapé. Depois, foram até Jandú Cachoeira para conhecer as histórias e mitos do local com o conhecedor Alberto Lourenço, um dos conhecedores que vem colaborando em conhecimento tradicional Baniwa desde o funcionamento da escola.

Padzomhepani é o nome da cahoeira no igarapé onde será instalado a hidrocinética, uns cinco km da escola em linha reta. A proposta de inovar em fontes de energia limpa é antiga, mas, apenas desde 2009 vem sendo discutida e implementada com mais intensidade. A primeira inovação em uso atualmente é o gerador convertido para o uso de óleo vegetal.

Foto: Juvencio Cardoso

A hidrocinética é uma técnica de geração de energia em uso no mundo. Para que a força da agua (vazão) gere energia é necessário que tenha uns equipamentos e implantado no leito de um igarapé sem necessidade de barragens.   Na Pamáali a ideia surgiu a apartir da dificuldades do uso de equipamentos por falta de energia. Professor Juvencio Cardoso e  assessor Gustavo Pinheiro que trabalhava no ISA (atualmente na TNC – Brasil), são os que iniciaram a elaborar a proposta. Hoje, acompanhado também pelos professores da escola e pelo assessor Adeilson Lopes do Instituto Socioambiental.

Com a implantação do ensino médio Baniwa e Coripaco, a escola Pamáali vem iniciando uma série de experiencias com pesquisas e inovações. E as que tiverem sucesso na escola, serão levadas as comunidades Baniwa da região.

Raimundo Benjamim

Anúncios

Sobre Escola Pamaali

A Escola Pamáali é um resultado de construção da Educação Escolar própria pelos povos Baniwa e Coripaco, que iniciou desde meados da década de 90 (reuniões e grandes Encontro de Educação escolar Baniwa e Coripco). Começou a funcionar a partir do ano 2000 com 35 alunos. Hoje a EIBC-Pamáali é uma das referências em Educação escolar indígena na região do Alto Rio Negro.

Publicado em 12/05/2010, em Ciencia e Tecnologia, Conheça mais a Pamáali, Educação. Adicione o link aos favoritos. 3 Comentários.

  1. Parabéns meninos!

    Quero ver quando estiver instalada heim!

    Fico muito feliz em ver que estão dando prosseguimento à diversificação da matriz energética da Escola Pamaali. O Brasil tem muito a aprender com vocês!

  2. andreza andrade

    Muito legal o texto Rai, parabéns. Pamáali se superando cada vez mais! Gostaria de estar por aí pra participar dos 10 anos. Mas ficarei mandando boas energias pra vcs… Abraços

  3. Oi Pessoal, é isso ai!

    A novidade do Gerador Hidrocinético está gerando muita curiosidade em todas as comunidades. Vamos ver em que resulta essa experiência em Padzomhepane. Vai ser um desafio e tanto a engenharia da instalação. Estamos traduzindo o manual do inglês para o português neste instante, e calculando o tamanho do matapi que será feito para conduzir a água. Seu Alberto de Jandu contou várias histórias interessantes sobre o lugar, que creio que depois o pessoal da EIBC pode postar também. Abrs, adeilson

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: